Tarauacá

Infratores apreendidos pela polícia militar confessam ter cometido homicídio por acerto de contas em Tarauacá

A Polícia Militar de Tarauacá através do trabalho de inteligência realizado por homens do Serviço Reservado, conseguiu identificar os autores do homicídio acontecido ainda no dia 30 de novembro de 2017 no Bairro do Corcovado, que ceifou a vida do menor Cairo Araújo de Souza, morto com tiros de escopetas. A polícia já suspeitava do menor infrator D.S.O, (16 anos) morador do Beco Maria Anália, Bairro Senador Pompeu, por conta de seu histórico e sumiço logo após o crime.

Nesta sexta feira (5), finalmente o encontraram na rua e, logo na abordagem e revista pessoal, o mesmo estava de posse de uma caixa de munição CBC calibre 22. em sua casa foi encontrada numa mochila e nela tinha uma escopeta calibre 16, um tablet da marca samsung e uma quantia em dinheiro no valor de R$ 2.080.00 (dois mil e oitenta reais). Polícia já prendeu o comerciante do mercado que vendeu a munição para o garoto. O menor confessou ser um dos autores do crime do Corcovado e ainda entregou o seu comparsa o menor  P.A.F.S, 17 anos, morador da Rua Rio Tarauacá.

Os menores infratores confessaram que arquitetaram a morte do garoto Cairo e, no dia combinado, foram até o local do crime armados de escopetas, se escondera e quando a vítima apareceu, cada um efetuou um tiro. A motivação seria um “acerto de contas”. Logo após o crime, os dois atravessaram o rio e se desfizeram das armas as jogando na água.

Os dois foram entregues na delegacia, bem como o material aprendido. O depoimento dos menores foi gravado em vídeo que está de posse da polícia.

Informações Portal Tarauacá

Clique para comentar

Deixe uma resposta

Mais lidas da semana

Subir