Política em Foco

Efeito Coronel Ulysses, e os torpedos do Gonzaga botam fogo nos bastidores da oposição

Aguenta Caetano

Quando Thiago Caetano e o Dnit, pareciam que finalmente teriam um folego, com as obras da BR 364 começando a avançar. O deputado tucano, Luiz Gonzaga, fez um discurso duro da tribuna da Aleac atingindo fortemente o Caetano, o Dnit e a oposição.

O torpedo

Luiz Gonzaga afirmou categoricamente que Caetano e o Dnit, trabalham para esconder crimes cometidos na construção da BR 364.

Metralhadora giratória

Luiz Gonzaga tem esse defeito, vez por outra, ele se mete numa polemica. Dessa vez, se a intenção era atingir o PT e FPA, o tiro saiu pela culatra, atingindo em cheio, a oposição e o Senador Gladson Cameli. Afinal de contas, Thiago Caetano e a Superintendência do Dnit no Acre, são coisas do Gladson e uma das vedetes da oposição.

Vai um processinho ai?

Thiago Caetano, me disse um eminente oposicionista, ficou furioso, com as declarações e vai processar o deputado Luiz Gonzaga. Segundo uma fonte ligada ao superintendente, ele está disposto a ir as últimas consequências judiciais com o deputado tucano.

Cabeça de vento

“O Gonzaga fala essas asneiras, porque é cabeça de vento. Ele não sabe nem do que está falando. ” Disse a coluna, uma proeminente figura progressista que saiu em defesa de Thiago Caetano.

Não retiro uma vírgula!

Na tarde de hoje, quarta-feira (8), em discurso da tribuna da Aleac, Gonzaga voltou a atacar Caetano, dizendo que não tem medo de processo, e que não retira uma virgula se quer, do que disse. Pelo visto essa novela vai longe.

De especulação a candidato

Quando a pouco mais de um mês, escrevi que Bolsonaro poderia ter candidato a governador no Acre, poucos acreditavam na possibilidade do Coronel PM, Ulysses Araújo, nome citado a época, ser realmente candidato a governador. De lá para cá, a coisa tomou corpo, Ulysses atingiu 6% das intenções de Votos e agora trabalha a verás com a possibilidade de ser candidato.

Acordo com o DEM

Segundo informações, Coronel Ulysses (Patriotas), já teve uma conversa com o DEM, e deve marchar com Bocalom numa terceira via nas eleições de 2018.

Não passa de barganha

Conversei sobre isso, com várias lideranças da oposição, que dizem não acreditar nessa história de candidatura do Coronel Ulysses. Para a maioria dos oposicionistas, coronel Ulysses e o DEM, estão com essa história de candidatura para barganhar uma vice na chapa de Gladson Cameli.

Na pressão não vai!

“O DEM não aprende! Já deveriam ter entendido que essa de pressão não funciona com o Gladson e o PP. Já tentaram com o Alan Rick, não funcionou, agora seguem o mesmo roteiro com o Coronel Ulysses. Se o Ulysses quer ser o vice do Gladson, então que venha conversar conosco do PP e construir isso. Nós estamos abertos ao diálogo. ” Afirmou a coluna, um membro da executiva do PP, dizendo, ser essa a posição oficial do Bestene e do Partido.

Farra como dinheiro publico

O Controlador Geral do município de Cruzeiro do Sul, Tácito Baptista, ‘parece brincar com a inteligência dos cruzeirenses. Na noite de ontem, terça-feira (7), postou em seu perfil no facebook, uma celfe, embarcando num avião, de primeira classe, com passagens pagas pelo município, que estava indo para a China, em busca de recursos para Cruzeiro do Sul.

Zombando das autoridades

O vereador Chaguinha Silva, o “Chico Basil,” da atual legislatura da Camara Municipal de Cruzeiro do Sul, continua aprontando das suas. Menos de uma semana, após ser preso dirigindo sem carteira, um carro não emplacado, o vereador foi visto dirigindo nas ruas do centro de Cruzeiro do Sul, sem o menor pudor, desafiando as autoridades de transito. Alô Dentran! Alô Ministério Público!

Candidato

Chega a coluna, informação que o ex-secretário de Administração da prefeitura municipal de Cruzeiro do Sul, Manfrini Costa, deve ser candidato a  deputado estadual. O convite teria sido feito a ele pelo DEM, e Manfrini estaria propenso a aceitar. A se confirma a candidatura, é mais nome forte na duríssima disputa de deputados estaduais do Juruá.

Deixa o homem trabalhar!

Depois da operação “buracos”, e dos ataques sofridos por adversários nas redes sociais, ganhou corpo a campanha “deixa o homem trabalhar! ” Em defesa do prefeito de Rio Branco e pré-candidato  governador da FPA, Marcus Alexandre (PT).

Esse filme eu já vi

No jogo político, os ataques devem ser feitos de forma a sangrar, sem vitimar o adversário. Fazer o adversário de ”mártir,” via de regra é o carimbo na passagem, só de ida para Manacapuru.

A FPA sabe disso

A FPA, está careca de saber disso, nas últimas duas eleições em Cruzeiro do Sul, os ataques ao ex-prefeito Vagner Sales (PMDB), foram tão ferozes, que passaram do ponto. Vitimado, o Coronel até brincava nos palanque com os ataques sofridos, num prenuncio, de que já sabia as consequenciais e os resultados nas urnas.

Não deu outra

Com o ex-prefeito cruzeirense, a estratégia funcionou. Vagner Sales chegou a ser afastado pela justiça do cargo, em pleno ápice do desgaste político, aliados começaram a bradar por tudo que era canto do Juruá, a celebre frase: “deixa o homem trabalhar! ” A coisa pegou, e o Coronel virou “Marechal de Brigada,” emplacando mais um mandato, a eleição da filha para deputada federal, e o desgastadíssimo Ilderlei Cordeiro, prefeito de Cruzeiro do Sul. É bom a oposição abriu o olho, vitimar o “chame chame” agora, pode significar um tiro no pé, e uma passagem só de ida para Manacapuru. Abram o olho!

Por Luiz Carlos Rosa

Clique para comentar

Deixe uma resposta

Subir