Acre

Polícia Civil apreende mais de cem quilos de drogas em menos de dois meses no Juruá

Criados oficialmente pela Secretaria de Estado da Polícia Civil (SEPC) em março deste ano, os núcleos das delegacias de Repressão a Entorpecente (DRE) e de Combate ao Crime Organizado (DECCO) em Cruzeiro do Sul já deram resultados. Intensificando cada vez mais as ações de enfrentamento à criminalidade e ao trafico de drogas em toda a região do Juruá, as especializadas já apreenderam cerca de 170 quilos de drogas.

Outro dado relevante é o total de armas de fogo apreendidos no Juruá: foram 32, além do cumprimento de 81 mandados de prisão e de busca e apreensão.

Para o coordenador da DECCO, os números são bastante expressivos. “Isso é um reflexo do trabalho desempenhado pela especializada na região do Juruá”, disse Elton Futigami.

O coordenador do núcleo da DRE na região, delegado Alexnaldo Batista, falou das ações desenvolvidas. “Esse é um trabalho que está sendo desenvolvido pela especializada de forma conjunta com as demais. Retiramos de circulação ilícitos como drogas e armas e efetuamos prisões importantes. A droga é um mal que fomenta os demais crimes”, observou.

O objetivo da criação dos núcleos é o combate mais forte ao crime de tráfico de drogas e à organização criminosa, além do fortalecimento da investigação com foco em uma maior eficácia do trabalho policial no interior do Acre.

“A partir de agora, com a criação dos núcleos da DRE e DECCO no Juruá, temos uma investigação mais célere e específica para combater com maior eficácia o crime de tráfico de drogas e a organização criminosa”, ressaltou o secretário de Polícia Civil, Carlos Flávio Portela.

Para o secretário de Segurança Pública, Vanderlei Thomas, a implantação dos núcleos da DRE e DECCO no Juruá demonstra o compromisso do governo do Estado com a região. “Isso é a demonstração de que estamos fazendo a nossa parte de combater firme o tráfico de drogas e o crime de organização criminosa, principalmente em regiões de fronteira. Vamos continuar trabalhando em defesa da nossa sociedade”, disse Thomas.

Interiorização

A interiorização dos núcleos segue planejamento estratégico da Segurança Pública do Acre, o que demonstra a sensibilidade do governo no combate firme e mais eficaz ao trafico de drogas e às organizações criminosas em áreas fronteiriças do Juruá.  O planejamento segue com a implantação dos núcleos nas demais regiões e a próxima região a ter a atuação desses núcleos é a do Alto Acre que compreende os município de Xapuri, Epitaciolândia, Brasiléia e Assis Brasil.

Informações Juruá em Tempo

Clique para comentar

Deixe uma resposta

Mais lidas da semana

Subir