Cruzeiro do Sul

Expoacre Juruá movimentou mais de R$ 10 milhões em quatro dias, divulga organização

Agronegócio foi destaque da feira agropecuária de Cruzeiro Sul. Bois com até mil quilos foram atração.

Durante o encerramento da Expoacre Juruá, neste domingo (2), em Cruzeiro do Sul, no interior do Acre, o setor agropecuário foi o mais movimentado. Os stands dos animais e dos produtos agrícolas receberam milhares de visitantes e contribuíram para um rendimento financeiro de mais de R$ 10 milhões, de acordo com o Sebrae. As concessionárias de veículos também levaram grande parte da movimentação financeira.

Foram quatro dias de exposição com mais de 150 empreendedores da região do Vale do Juruá e de outros municípios do Acre. Todos os setores da economia local tiveram participação, desde a exposição de móveis, do comércio, das indústrias, empresas de serviços e produtos artesanais. As oito concessionárias que participaram da feira conquistaram novos clientes.

No entanto, o que mais despertou o interesse do público foi a exposição de bovinos de um pecuarista de Cruzeiro do Sul, com animais que pesavam mais de mil quilos.

“Isso mostra que temos uma pecuária de ponta em Cruzeiro do Sul e incentiva para que outros produtores também possam comprar para melhorar a qualidade do rebanho da região”, disse o gerente do Instituto de Defesa Agropecuária e Florestal do Acre (Idaf), Marcos Souza.

Além da pecuária, o setor agrícola também chamou a atenção. Os produtores familiares comercializaram praticamente todo estoque de produtos. Além da farinha de mandioca, principal produto da economia local, se comprava na feira derivados da cana, mel de abelha, frutas e legumes e peixes dos piscicultores do Juruá.

Entre as novidades, um empresário de Rondônia trouxe para a feira um sistema industrial para a produção de farinha de mandioca. Cruzeiro do Sul tem como produto principal de sua economia a farinha produzida de forma artesanal.

“Melhora a qualidade de vida e a produtividade, e, a partir do momento em que a pessoa aprende a trabalhar com o equipamento, melhora também a qualidade da farinha. Então, por isso, estamos fazendo bons negócios. Muitas pessoas vieram comprar e outras demonstraram interesse” disse o empresário Valmor Ferrari.

O evento teve início no dia 30 de agosto e se encerrou neste domingo (2). De acordo com o Sebrae, o levantamento da movimentação financeira ainda não foi concluído. Mas, os dados indicam que a Expoacre Juruá teve uma circulação de mais de R$ 10 milhões em negócios.

“Fecharemos esse levantamento até o final desta semana. Mas, pelo que apuramos até a terceira noite, vai passar de R$ 10 milhões, certamente”, informou o gerente do Sebrae em Cruzeiro do Sul, Orleilson Ferreira.

Na parte cultural, a Expoacre Juruá contou com a participação de bandas locais e de artistas de expressão nacional. Teve ainda uma corrida com mais de 150 atletas promovida pelo Corpo de Bombeiros no segundo dia da feira. De acordo com os organizadores, mais de 20 mil pessoas, por dia, visitaram a exposição.

Informações G1

Clique para comentar

Deixe uma resposta

Mais lidas da semana

Subir